Credseguro é apresentada para representantes do Sincor-RS em evento presencial

10.06.2021 - Fonte: Seguro Gaúcho

DSC (1) (1)

O Sindicato dos Corretores de Seguros do Rio Grande do Sul (Sincor-RS) e a Credseguro reuniram de forma presencial delegados do Sincor-RS de todas as regiões do estado e convidados do mercado segurador para falar sobre a incorporação da Credicor-RS pela Credseguro.

Respeitando todos os protocolos de segurança em saúde para a Covid-19, a reunião almoço aconteceu quarta-feira, 9 de junho, no Plaza São Rafael, em Porto Alegre (RS).

Durante o encontro foram destacados a importância do cooperativismo de crédito, atendimento personalizado, além de outros benefícios e vantagens que os cooperados terão.

O primeiro a explanar no evento foi o então presidente do Credicor, Celso Marine, que saudou a presença de todos e disse estar emocionado ao rever colegas e amigos do mercado segurador depois de mais de um ano de pandemia. Logo em seguida ele explicou o propósito da atividade: “celebrar a união das cooperativas Credseguro e Credicor. Para atender a pedidos de nossos cooperados e tendo em vista que precisávamos disponibilizar mais produtos, serviços e tecnologia, buscamos uma parceria para nossa Credicor RS e encotramos na Credseguro o parceiro ideal”, disse Marine.

Ao falar a respeito da Credseguro Sicoob, o presidente da Fenacor e da Cresdseguro, Armando Vergílio, enalteceu o grande propósito da Instituição que é o cooperativismo. “Sou um apaixonado pelo cooperativismo de crédito, pois ele tem muita semelhança com nossa atividade e seu principal pilar é o mutualismo que também é o fundamento principal do seguro. Trata-se de uma cooperativa de crédito e instituição financeira que possui mais de 5 mil cooperados e ativos que chegam a R$ 500 milhões. O sistema Sicoob está crescendo vertiginosamente mais do que os bancos tradicionais”, ressaltou Vergílio.

O presidente do Ibracor e presidente eleito da Credseguro, Joaquim Mendanha, disse que comandar o Sicoob Credseguro é o maior desafio de sua trajetória profissional: “entretanto, como instituição bancária nossa maior preocupação é com as pessoas, tanto que estamos presentes em 307 municípios do Brasil em que não há nenhuma outra instituição financeira. Queremos levar os benefícios do cooperativismo de crédito a um maior número de pessoas”. Mendanha foi eleito presidente por unanimidade em assembléia da entidade realizada em março de 2021.

Já o presidente do Sincor-RS, Ricardo Pansera, disse que o Credseguro Sicoob proporcionará maior amplitude de atuação para os corretores de seguros: “agora os corretores poderão levar seus clientes até o Credseguro para disponibilizar a eles os produtos bancários com mais vantagens, um atendimento personalizado e todas as inovações tecnológicas”.

O diretor de negócios da Credseguro, José Rios, apresentou dados técnicos que comprovam as vantagens para quem tornar-se um cooperado, como taxas de juros menores nas operações e rentabilidade maior que a dos bancos. Ele ainda enfatizou a importância do apoio dos corretores da região na expansão da instituição. “Contamos com o apoio de todos. Aguardamos que vocês tragam seus clientes para nossa cooperativa. Aqui nós trabalhamos com muita ética”, finalizou.

Ao final do evento o diretor do Seguro Gaúcho, Luiz Felipe Paradeda dialogou com exclusividade com presidente da Fenacor e atual Credseguro, Armando Vergílio, e também com presidente do Ibracor e presidente eleito da Credseguro, Joaquim Mendanha. Confira a seguir.

Paradeda – Diante de sua experiência no comando da entidade, explique de onde surgiu a ideia de criar essa cooperativa?

Armando Vergílio – A visão que tivemos a mais de 20 anos é muito impulsionada pela necessidade de termos uma instituição de fomento que entendesse a própria categoria, já que temos as nossas especificidades e características. Além de termos um problema institucional com os bancos, na época ousamos em buscar uma instituição financeira personalizasse os seus serviços em detrimento de nossa atividade. Em todas as avaliações a Credseguro apresenta-se mais robusta. Estruturamos um modelo de negócio que privilegiou um capital fortalecido. Desde o início tivemos foco em muito capital e esse foi o diferencial.

Paradeda – Já que você está assumindo a presidência da Credseguro, quais são tuas ideias para o futuro da instituição?

Joaquim Mendanha – Há 22 anos sou sócio fundador da Credseguro e o cooperativismo faz parte de minha essência, pois considero que possui uma relação profunda com a profissão de corretor de seguros. Pretendo dar continuidade ao trabalho que vem sendo executado, visando cada vez mais o crescimento e a expansão da Credseguro. Como nossa instituição opera com a livre admissão, podemos e queremos receber clientes de todos os segmentos, como indústria, comércio e prestação de serviços.

Paradeda, do Seguro Gaúcho, e Vergílio, da Fenacor

Notícias Relacionadas