Executivo da Sompo apresenta principais características de produto para o Corretor apostar

11.06.2021 - Fonte: CQCS

WhatsApp-Image-2021-06-10-at-18.38.13-e1623361124417

Mailson Silva, diretor de transporte da Sompo Seguros, foi o convidado do treinamento “Seguro de Carga Internacional”, que aconteceu na tarde do dia 10/06, em mais um dia da Conferência Fetransporte. O executivo, durante sua apresentação, elencou alguns pontos sobre o produto para que o Corretor possa cogitar incluí-lo em seu portfólio.

O seguro de carga internacional destina-se ao importador ou exportador brasileiro para qualquer localidade do exterior, ou vice-versa e deve ser contratado pelo proprietário da mercadoria e/ou empresas especializadas que importam/exportam por ordem de terceiros.

Dentro deste seguro, existem algumas coberturas básicas, como a “Restrita C”, que cobre perdas e danos materiais causados ao bem segurado decorrente de acidentes sofridos pelo veículo transportador, causados por: colisão, tombado, raio, explosão e incêndio; “Restrita B”, que inclui as mesmas perdas e danos da restrita C, mas com a inclusão de inundação, transbordamento do curso de água, desmoronamento ou queda de pedras, entre outros. Além disso, há a “Restrita A”,que cobre todos os riscos de perdas ou danos materiais sofridos pelo objeto.

Além das coberturas básicas, Mailson apresentou algumas coberturas adicionais que podem ser contratadas. “Temos guerras e greves, que podem ser acionadas nas modalidades marítimas e áreas; greves para veículos terrestres; embarque aéreo sem valor declarado; transbordo e desvio de rota; classificação de navios; adicional de roubo e extravios (em conjunto com as coberturas básicas B e C)”.

No caso da importância segurada, algumas questões devem ser levadas em consideração. Em caso de importação, além do custo da mercadoria, o cliente poderá assegurar algumas verbas. “Frete internacional, despesas, lucros esperados e impostos”, explicou. Nos casos de exportação, poderão ser asseguradas “frente internacional e despesas”.

Assista aqui o programa na íntegra.

Notícias Relacionadas